Aconcágua: paranaense escala a montanha mais alta dos Andes

14 de fevereiro de 2020

Temos uma paranaense se destacando no montanhismo! Maria Tereza Ulbrich recentemente escalou o Aconcágua, a montanha mais alta dos Andes. O curioso é que mesmo sem a intenção de ter reconhecimento, ela vem chamando a atenção por conquistar um respeitado curriculum de montanha.

Ainda pouco conhecida no meio de montanhismo brasileiro, Maria Tereza começou a subir montanhas há pouco tempo. Após um curso de escalada em rocha, ministrado pela empresa GenteDeMontanha em dezembro de 2013, ela pegou o gosto pelo esporte. Além disso, acabou se tornando sócia da empresa quatro anos mais tarde.

Histórico

A primeira montanha de grande altitude que Maria Tereza escalou foi o Huayna Potosi em 2014. Mas, como ainda tinha pouca experiência, não atingiu o cume. Já o primeiro cume andino, foi  no Nevado Macón, uma montanha de 5500 metros localizada no norte da Argentina. No ano seguinte, já trabalhando para o GenteDeMontanha, ela retornou à Bolívia, mas desta vez para fazer cume no Huayna Potosi com 6088 metros. Depois no Acotango 6044, Parinacota 6348 e Illimani 6430. Já em 2016, ela  participou da expedição Andes 6k, patrocinada pela Red Bull e que virou um documentário da famosa marca de bebidas austríaca. Nesta expedição ela atingiu três cumes. O Vulcão Antofalla de 6480 metros, Vulcão Vallecitos de 6168 e Colorados de 6080 metros.

Após um período longe das grandes montanhas, ela retornou aos Andes em 2019 para acompanhar expedições de sua empresa e fez cume no San Francisco de 6018, Ojos del Salado 6893 metros e o Cerro Plata, que mesmo não sendo um 6 mil, é um clássico andino com 5935 metros. Ainda neste ano, ela fez sua primeira montanha fora da América do Sul, o pouco conhecido Chulu Far East, montanha de 6059 metros no Nepal. Agora com o cume no Aconcágua, ela completa 13 montanhas acima de 6 mil metros, sendo 12 nos Andes!

Fonte: Alta Montanha

hash track

Peça seu som e ouça no Hashtrack!

Exemplo:
Artista: Neil Young
Música: Rockin' In The Free World
#Esse som é muito marcante pra mim porque foi o primeiro que rolou na minha programação.

Aplicativo

Você pode ouvir a rádio Mundo Livre direto no seu smartphone.

Disponível no Google Play Disponível na App Store

2020 © Mundo Livre FM. Todos os direitos reservados